Pulseira A Culpa é Das Estrelas

slide1

Promoção Estilhaça-me

slide2

A Redenção de Gabriel

slide3

Caixinha de Correio

slide4

Boneca de Ossos

slide5

Frase do dia ... Extraordinario #11

Oláaaaa, olha eu aqui com mais uma  frase muuuuito linda que eu tirei de um livro que é extremamente maravilhoso e que eu espero que todos tenham a oportunidade de ler um dia hahaha. So, Enjoy!

Resenha aqui
"Esse preceito significa que deveríamos ser lembrados pelas coisas que fazemos. Elas importam mais do que tudo. Mais do que aquilo que dizemos ou do que nossa aparência. As coisas que fazemos sobrevivem a nós. São como monumentos que as pessoas  erguem em honra dos heróis depois que eles morrem. Como as pirâmides que os egípcios construíam para homenagear os faraós. Só que, em vez de pedra, são feitas das lembranças que são feitas das lembranças que as pessoas têm de você. Por isso nossos feitos são nossos monumentos. Construídos com memórias em vez de pedra." (p.72)
Beijos , Anna (:

[Resenha] Quem é você, Alasca? - @EditoraWMF

Título Original: Looking for Alaska
Autor: John Green
Editora: Martins Fontes
Ano: 2013
Páginas: 229
Gênero: Romance
Sinopse: Miles Halter é um adolescente fissurado por célebres últimas palavras que, cansado de sua vidinha pacata e sem graça em casa, vai estudar num colégio interno à procura daquilo que o poeta François Rabelais, quando estava à beira da morte, chamou de o "Grande Talvez". Muita coisa o aguarda em Culver Creek, inclusive Alasca Young, uma garota inteligente, espirituosa, problemática e extremamente sensual, que o levará para o seu labirinto e o catapultará em direção ao "Grande Talvez". (SKOOB)

Quem é você, Alasca? foi um livro que me surpreendeu. Na realidade eu não sei realmente o que eu esperava dele, afinal o único livro do John Green que já havia lido até hoje fora 'A Culpa é das Estrelas', que logicamente eu amei e fez me apaixonar pelo autor. Agora esse livro eu não havia lido muita coisa sobre ele, mas simplesmente enfiei na minha cabeça que precisava lê-lo e revirei todas as Saraivas da região atrás dele até que finalmente o encontrei e li.

Bom, nele conhecemos Miles Halter, conhecido como Gordo, um adolescente nada normal, que gosta de colecionar últimas palavras e ler biografias. Impulsionado pela busca do "Grande Talvez" que foram as últimas palavras do poeta François Rabelais, ele resolve se mudar para Culver Creek, um colégio interno onde logo de cara já faz amizade com Chip, apelidado de Coronel.


É através do Coronel que Miles conhece Alasca, Takumi e Lara, e juntos Miles se vê próximo de encontrar o seu "Grande Talvez". Boa parte do livro faz jus ao estilo americano que vemos na TV, adolescentes que gostam de beber, fumar e farrear, buscando os melhores trotes para se fazer na escola.

Mas é claro que John Green não deixaria seu livro tão vazio a esse ponto, há muitas coisas que nos fazem pensar e refletir e principalmente trazer para nossas vidas, como a grande pergunta de Alasca Young, "Como sairei deste labirinto de sofrimento?". Desde que Miles conhece Alasca, eles giram em torno dessa pergunta, mas apenas no final que ela é respondida pelo nosso protagonista e também por Alasca, mas é interessante tentarmos responde-la por nós mesmos, afinal todos passamos por esse labirinto.


Citações:

"Então voltei para o meu quarto e desabei no beliche de baixo, pensando que, se as pessoas fossem chuva, eu era garoa e ela, um furacão"

"Quando os adultos dizem: "Os adolescentes se acham invencíveis", com aquele sorriso malicioso e idiota estampado na cara, eles não sabem quanto estão certos. Não devemos perder a esperança, pois jamais seremos irremediavelmente feridos. Pensamos que somos invencíveis porque realmente somos. Não nascemos, nem morremos. Como toda energia, nós simplesmente mudamos de forma, de tamanho e de manifestação. Os adultos se esquecem disso quando envelhecem. Ficam com medo de perder e de fracassar. Mas essa parte que é maior do que a soma das partes não tem começo e não tem fim, e, por tanto, não pode falhar."

Nota: 

Beijos, Pri.

[Lançamento] Outlander - A Viajante do Tempo - Editora @SdE_Brasil


Sou do tipo que se sensibiliza muito com personagens que viveram em tempos guerra, e me derreto mais ainda se em meio a tudo isso houver um grande romance. Porém me prendo intensamente a enredos que mexem com o tempo, seja uma volta ao passado ou uma ida até o futuro. Aí vem Diana Gabaldon, e mistura tudo isso, e um pouquinho mais (muita aventura) em uma série fantástica chamada 'Outlander - A Viajante do Tempo'. O livro já vendeu mais de 20 milhões de cópias e está dando o que falar, tanto que no dia 9 de Agosto tem sua estréia como seriado de TV nos Estados Unidos. E para aqueles que só estavam esperando o lançamento da obra no Brasil, a espera acabou! Em poucos dias a Editora Saída de Emergência estará liberando 'Outlander - A Viajante do Tempo' para todas as livrarias do país. Por tanto, se você ainda não ouviu falar da viajante do tempo, esse post está recheado de informações que você precisa saber, inclusive o booktrailer, confiram!

“Intrigante… profundamente satisfatório… Quando se chega à última página, é difícil conseguir se separar dos personagens.” – Daily Press

Editora: Saída de Emergência
Coleção: BANG!
Data 1ª Edição: 06/08/2014
Nº de Edição:
ISBN: 978-85-67296-22-7
Páginas: 800
Sinopse: Em 1945, no final da Segunda Guerra Mundial, a enfermeira Claire Randall volta para os braços do marido, com quem desfruta uma segunda lua de mel em Inverness, nas Ilhas Britânicas. Durante a viagem, ela é atraída para um antigo círculo de pedras, no qual testemunha rituais misteriosos. Dias depois, quando resolve retornar ao local, algo inexplicável acontece: de repente se vê no ano de 1743, numa Escócia violenta e dominada por clãs guerreiros. Tão logo percebe que foi arrastada para o passado por forças que não compreende, Claire precisa enfrentar intrigas e perigos que podem ameaçar a sua vida e partir o seu coração. Ao conhecer Jamie, um jovem guerreiro escocês, sente-se cada vez mais dividida entre a fidelidade ao marido e o desejo. Será ela capaz de resistir a uma paixão arrebatadora e regressar ao presente?

Alguém aí já tinha ouvido falar em 'Outlander - A Viajante do Tempo'? Quais são as expectativas de vocês quanto a essa nova série? Me digam tudo!!
XOXO

[Resenha] Extraordinário - @Intrinseca

Titulo Original: Wonder
Autor: R. J. Palacio
Editora: Intrínseca
Ano: 2013
Páginas: 
320
Gênero: 
Juvenil

Narrado da perspectiva de Auggie e também de seus familiares e amigos, com momentos comoventes e outros descontraídos, Extraordinário consegue captar o impacto que um menino pode causar na vida e no comportamento de todos, família, amigos e comunidade - um impacto forte, comovente e, sem dúvida nenhuma, extraordinariamente positivo, que vai tocar todo tipo de leitor. August Pullman, o Auggie, nasceu com uma síndrome genética cuja sequela é uma severa deformidade facial, que lhe impôs diversas cirurgias e complicações médicas. Por isso ele nunca frequentou uma escola de verdade... até agora. Todo mundo sabe que é difícil ser um aluno novo, mais ainda quando se tem um rosto tão diferente. Prestes a começar o quinto ano em um colégio particular de Nova York, Auggie tem uma missão nada fácil pela frente: convencer os colegas de que, apesar da aparência incomum, ele é um menino igual a todos os outros. (SKOOB)

August é um garoto comum, ou pelo menos é assim que gostaria de ser. Mas devido a algumas complicações genéticas, ele nasceu com varias deformidades no rosto, o que faz com que as pessoas rotuladas como ‘normais’ – principalmente as crianças da sua idade - não o aceitem muito bem.

Por isso e por outros fatores August nunca frequentou uma escola, sempre teve aula em casa, mas prestes a iniciar o quinto ano escolar, seus pais decidem que já é hora dele ir para escola e começar a encarar o mundo como ele é.

Na sua primeira visita a escola, três crianças que vão estudar com August, são designadas pelo diretor a levarem ele para um passei de reconhecimento pela escola. Julian um dos meninos responsáveis por ajudar August, não aceita a deformidade e começa então de maneira quase cruel  implicar com o menino.

As aulas começam e August sente-se totalmente fora do contexto e excluído, nenhuma criança que se sentar perto dele, ou se quer falar com ele. Exceto Jack que sentou-se perto dele em algumas aulas, e Summer que senta-se com ele na hora do intervalo.
O tempo passa, e as pessoas apesar de continuarem reticentes com August, começam a aceitá-lo, não o encarando como antes e isso, somado ao fato de ter Summer e Jack como amigos é suficiente para ele.

É no Halloween que August tem sua primeira decepção. Sem que os meninos saibam, August ouve uma conversa dos colegas de sala em que falam debochada e cruelmente da sua deficiência, e entre ele está Jack. O garoto retorna a casa com a desculpa de estar passando mal e sem dizer a ninguém decide que não quer mais voltar pra escola.

Olivia, ou para os íntimos Via, a irmã mais velha de August conversa com o garoto e acaba por convencê-lo a retornar para escola. Contanto apenas com a amizade de Summer, ele retonar e passa a ignorar o resto dos alunos do quinto ano.

Jack sem saber o por que do afastamento de August, sente a falta do amigo. Summer no entanto, da uma pista a ele para que ele consiga descobrir o porque. Quando descobre Jack se sente profundamente arrependido e pede desculpas a August. E logicamente ele perdoa Jack.

Após a amizade de Jack e August retornar firme e forte, Julian começa a colocar todos os meninos da escola contra a dupla, alguns porém não aceitam a imposição de Julian.

O ano escolar passa, as pessoas mais acostumadas com August e suas deficiências, começam a ver que ele é muito mais do que só aparência, e passam a aceita-lo mais e mais.


A primeira coisa que eu tenho a dizer sobre esse livro é: Extraordinário, e sim estou sendo extremamente clichê, mas não consigo defini-lo de outra forma.

O livro é em sua maioria narrado pelo August e alguns de seus amigos, e eu percebi com a leitura desse e de outros livros, que as histórias contatada pelo ponto de vista de uma criança me emocionam e mexem muito mais comigo do que qualquer outro tipo de história.

Além disso as narrativas feitas pela perspectiva infantil me parecem mais verdadeiras, mais puras e mais fáceis de se envolver.

A história é bem fluida, os capítulos são bem curtinho e a diagramação é linda e completamente apaixonante. E o livro está repleto de quotes fofinhos que te fazem parar, refletir e querer compartilhar com todos.

Esse livro aborda sobre vários temas muito significativos e importantes, tais como a sensibilidade que devemos ter com as pessoas, o respeito as diferenças, a questão da beleza interior, entre outras coisas.


Não sei se ocorreu com todos aqueles que leram esse livro, mas comigo ele foi um grande tapa de luva, que me fez refletir sobre varias coisas. Essa história é surpreendente e encantadora, todos aqueles que gostam de ler, deveriam lê-lo em algum momento!

NOTA: 

Beijos , Anna (:


Marcaram a Semana: Pizza de Rap 10, Livros Desejados, Nicholas Sparks, Lua Nova e Coração Partido


Oi pessoal, tudo bem? Mais um fim de domingo que eu venho falar um pouquinho do que aconteceu na minha semana! Começando pela minha pizza de Rap 10. Estou evitando comer o pão que chamamos de pão francês, filão ou de pão de sal (não sei se existe mais algum outro nome mas é aquele de padaria), então comprei um pacote de Rap 10 para eu fazer meus lanchinhos um pouquinho mais light. E eis que eu estava com tanta fome e com tanta pressa nesse dia que acabei fazendo uma pizza de Rap 10, ficou linda né, querem a receita? (hsuahsausha) Mas mudando de assunto, estou lendo, na verdade acabei de ler hoje o livro 'Diário de Classe - A Verdade', até escrevi resenha mas só sai no blog durante a semana. Gente eu falo sério quando digo que temos 35 post em rascunho e olha que tem muita coisa no e-mail do blog que eu ainda nem passei pro rascunho, mas isso é bom, muito bom, post novo é o que não vai faltar ... shaushausha.

Chegou também o novo livro do tio Nicholas, espero que me empolgue mais do que o ultimo que eu li dele (Uma Longa Jornada). Fico muito feliz quando recebo livros que estavam na Wishlist, e essa versão de O Grande Gatsby era a que eu tanto queria, aquela publicada pela Editora Geração, que tem ilustrações e capa dura (meus olhinhos brilham). E digam o que quiser eu amo quando passa A Saga Crepúsculo na TV, peguei o finzinho quando cheguei do trabalho mas tive que fazer a foto dessa cena maravilhosa. Já a história do chocolate eu prefiro abafar, pois é um pouquinho dolorosa. No demais é isso ai galera, o que vocês me contam de novidades? Ha, falando em novidades, é quase certeza que irei na Bienal dia 24 de Agosto. Eu queria muito ver a Kiera e autografar meus livros, mas eu trabalho sábado e minha chefe não deu certeza que me dará folga, e eu não vou planejar tudo pro dia 23 pra de repente ela falar que não tem como me liberar. Então estou me programando para ir no dia 24, vai ter Cassandra Clare neste dia, e eu espero conseguir autografar meus livros, sem falar que na programação do site da Bienal, para o domingo está marcado um bate papo com a Paula Pimenta e a Bruna Vieira, porém não tem muitas informações, espero conseguir participar também. Para acompanhar as novidades aqui do blog em tempo real, não esqueçam de curtir o @Amigadaleitora no Instagram.

XOXO

Editora Parceira - Cia do eBook


Olá pessoal, como vão? Dia 25 de Julho comemoramos o dia nacional do escritor, porém eu não consegui liberar esse post na mesma data. Quando digo que minha vida está uma bagunça vocês não acreditam né, a ultima foi uma bela de uma desilusão amorosa. Mas vamos ao que importa! Acaba de chegar ao mercado uma nova editora, a Cia do eBook, focada em soluções digitais no mercado editorial.

A proposta da empresa é oferecer serviço completo na área de criação, editoração, publicação e distribuição de eBooks, tanto para quem começa a carreira quanto para aqueles que desejam transformar obras impressas em livros digitais. O foco dos novos negócios se estende, também, a blogueiros e editoras que pretendem adentrar no mercado digital.

A Cia do eBook acredita no potencial da leitura e, principalmente, em sua missão de propagar e aumentar o número de autores nacionais com acesso aos eBooks, oferecendo oportunidade, cultura e lazer.

Para comemorar o Dia do Escritor e seu lançamento, a editora está oferecendo cupons de 50% de desconto para os três primeiros autores que solicitarem a produção de suas obras. E mais: ao publicar com a Cia do eBook, além de contar com serviço editorial completo, o autor concorre ao sorteio de um Kindle Paperwhite no final do ano.  Código promocional 50% de desconto: PL01 CP97 0393

Vocês também podem acompanhar a Cia do eBook através das seguintes redes sociais: Facebook | Twitter | Site.

Volto em breve com alguns dos pré-lançamentos da editora!

XOXO


Lidos em Junho 2014


Oi galera, tudo bem? Sei que estou mega hiper ultra atrasada com esse post, mas como diz a minha vó: 'antes tarde do que nunca'! Em Junho minhas férias acabou, eu voltei a trabalhar e toda essa coisa de copa do mundo e o corre corre para dar conta do serviço, acabou fazendo com que eu lesse bem menos do que queria. Como já comentei com vocês antes, estabeleço uma meta de um livro por semana, pois como leio de noite depois que chego do trabalho, não tem nem como devorar um livro por dia, a menos que seja feriado e eu esteja sozinha em casa. Então acho justo esse meu prazo, pois assim posso me dedicar as coisas da casa, como lavar louça e fazer a janta por exemplo, e ainda assistir minhas séries favoritas na TV, sem ficar sobrecarregada. Porém em Junho tivemos quatro semanas, e eu li apenas três livros, não bati minha meta. Mas faço um desconto por ter sido um mês de muita distração: dia dos namorados, meu aniversário, copa do mundo no Brasil e etc.

Blá blá blá a parte, vamos ao que interessa! Esta no ar o meu vídeo com os lidos no mês de Junho. Abaixo vou deixar os links das resenhas também.